Como emitir a segunda via da fatura do Cartão Banco PAN

É muito comum que os clientes dessa instituição financeira acabem se sentindo confusos na hora de efetuar o seu pagamento e, também, de conferir as compras do mês e, por isso, há a necessidade de se manter atento aos menores detalhes.

Você sabe como emitir a segunda via da fatura do cartão Banco PAN? Neste artigo você poderá conferir quais são as principais maneiras de conseguir emitir a sua segunda via e o que o Banco PAN tem a oferecer para os seus clientes. Como ver a sua fatura do Banco PAN?

O Banco PAN é uma instituição financeira que vem crescendo bastante nos últimos anos e traz diversos benefícios para os seus clientes. Além da facilidade de ser um banco digital, você ainda tem a oportunidade de adquirir um cartão e vivenciar uma experiência com taxas reduzidas.

Se você está em dúvida sobre o que comprou ao longo do mês, não se preocupe. Há maneiras muito simples de conseguir ter acesso à sua fatura. Para isso, você deverá usar dois métodos: o site ou o aplicativo. Em apenas alguns segundos, poderá ter a informação desejada.

Site

Se você tem um computador à disposição, então conseguirá acessar a sua fatura do Banco PAN por meio dele. Para isso, é necessário acessar o seu site e disponibilizar as informações que forem solicitadas na página. Veja, abaixo, como conseguir ter acesso à sua fatura pelo site.

  • Vá até o site do Banco PAN;
  • Selecione o ícone “Área do cliente”;
  • Informe o seu e-mail e a senha previamente cadastrados;
  • Se não tiver o seu acesso, clique em “Reenviar e-mail de confirmação”;
  • No menu de “Cartões”, basta selecionar a sua opção de “Fatura”.

App

Antes de saber a segunda via da fatura do cartão Banco PAN, será preciso aprender a visualizar a sua fatura por meio do aplicativo. Com o advento dos celulares e a facilidade oferecida pelos bancos na hora de acessar nossas informações, que tal usar o seu aparelho para fazer uma consulta simples e rápida? Veja, abaixo, qual o passo a passo.

  • Baixe o aplicativo do Bano PAN para o Android ou para o iOS;
  • Insira todos os dados que forem solicitados na hora do acesso;
  • No menu principal, basta selecionar o ícone com o nome “Fatura”.

Como emitir a segunda via da fatura do cartão Banco PAN?

A segunda via da fatura pode ser solicitada por muitos motivos, desde perda até o não recebimento. Por isso, é importante encontrar métodos alternativos que sejam eficazes para que as suas contas não acabem ficando atrasadas no final do mês. Pensando nisso, o Banco PAN oferece duas alternativas para os seus usuários: solicitação pelo app e pelo Internet Banking.

App

Por meio do aplicativo, disponível no Android e iOS, você pode solicitar a sua fatura de maneira simples e rápida. Para que isso seja possível, é necessário estar conectado à internet e ter instalado, em seu aparelho, o app do banco. Veja, abaixo, o passo a passo para a emissão da segunda via:

  • Após baixar o aplicativo no seu celular, independente de ser iOS ou Android, inicialize-o e informe todos os dados que forem solicitados no momento do acesso;
  • No menu principal, escolha a opção de “baixar fatura” para ter acesso ao documento.

Internet Banking

O Internet Banking também é uma forma de conseguir a segunda via da sua fatura. Veja, abaixo, qual a forma correta de emitir o documento:

  • Acesse o site do Banco PAN;
  • Vá até a “Área do Cliente”;
  • Informe o seu e-mail e a senha previamente cadastrados;
  • Se ainda não houver ativado o acesso, selecione “Reenviar e-mail de ativação”;
  • No menu dos cartões, basta selecionar a opção para baixar a sua fatura.

Parcelamento da fatura

Você sabia que pode parcelar a fatura do seu cartão? Antes de mais nada, é necessário consultar as opções de parcelamento que estão disponíveis para você. Essa consulta poderá ser realizada tanto pelo site quanto pelo aplicativo ou na Central de Atendimento por meio do número 4003 -0101 (capitais) ou 0800-888-0101 (demais localidades).

Se a opção de parcelamento estiver disponível, realize o pagamento da sua fatura no valor indicado como uma entrada. Dessa forma, o sistema irá entender que a fatura atual foi parcelada e só cobrará as parcelas nas próximas faturas.

Como solicitar a segunda via da fatura do Cartão Banco PAN

Você sabe como pode solicitar a segunda via da fatura do cartão Banco PAN? Muito embora pareça ser algo difícil, não é necessário se preocupar.

Graças à tecnologia e os novos métodos de conexão, você conseguirá fazer a sua solicitação rapidamente e sem precisar ter medo.

Muita gente acaba não recebendo a sua fatura em casa ou simplesmente perde o documento. Para que isso não acabe se tornando um motivo de preocupação, o Banco PAN oferece a oportunidade de solicitar a fatura por meio da internet ou do aplicativo de maneira rápida e simples.

Como visualizar a sua fatura do Banco PAN?

O Banco PAN é uma instituição financeira que se desenvolveu rapidamente nos últimos anos e trouxe muitos benefícios aos seus clientes. Além de se tornar facilmente um banco digital, você também tem a oportunidade de comprar um cartão e experimentar a taxa de desconto.

Se você tiver dúvidas sobre os itens comprados ao longo do mês, não se preocupe. Existe uma forma muito simples de acessar sua fatura. Para fazer isso, você deve usar dois métodos: site ou aplicativo. Em apenas alguns segundos, você pode obter as informações que deseja.

Site

Se você tem um computador na sua casa, então pode ter a certeza de que ele será muito útil na hora de realizar a conferência da sua fatura. De maneira simples e rápida, você poderá encontrar as informações que procura. Veja, abaixo, como consultar.

  • Siga até o site do Banco PAN;
  • Escolha o ícone “Área do cliente”;
  • Digite o seu e-mail e a senha anteriormente cadastrados;
  • Caso ainda não tenha o acesso, clique em “Reenviar e-mail de confirmação”;
  • No menu de “Cartões”, selecione a sua opção de “Fatura”.

App

Antes de saber como solicitar a segunda via da fatura do cartão Banco PAN, será preciso aprender a visualizar a sua fatura por meio do aplicativo. Com o advento dos celulares e a facilidade oferecida pelos bancos na hora de acessar nossas informações, que tal usar o seu aparelho para fazer uma consulta simples e rápida? Veja, abaixo, qual o passo a passo.

  • Baixe o aplicativo do Bano PAN para o Android ou para o iOS;
  • Coloque todos os dados que forem solicitados na hora do acesso;
  • Na aba do menu principal, selecione o ícone com o nome “Fatura”.

Saiba como parcelar a sua fatura

Você sabia que pode parcelar a fatura do cartão de crédito? Em primeiro lugar, é necessário consultar as opções de parcelamento disponíveis para você. A consulta pode ser realizada pelo site ou pelo app ou na central de atendimento por meio do número 4003 -0101 (capital) ou 0800-888-0101 (demais locais).

Caso a opção de parcelamento esteja disponível, pague a fatura no valor indicado no adiantamento. Desta forma, o sistema saberá que a fatura atual foi parcelada e só fará o parcelamento na próxima fatura.

Como solicitar a segunda via da fatura do cartão Banco PAN?

Você pode solicitar faturas duplicadas por vários motivos, desde contas perdidas até as não recebidas. Por isso, é importante encontrar alternativas eficazes para que suas contas não fiquem em atraso no final do mês. Pensando nisso, o Banco PAN oferece aos seus usuários duas opções: solicitar pelo aplicativo e solicitar pelo online banking.

App

Com aplicativos disponíveis para Android e iOS, você pode solicitar faturas de forma simples e rápida. Para fazer isso, você deve estar conectado à Internet e instalar o aplicativo bancário em seu dispositivo. Veja abaixo as instruções passo a passo para publicar uma cópia:

  • Após instalar o aplicativo no seu celular, sem levar em consideração se ele é um iOS ou Android, abra-o e adicione as informações de todos os dados que forem solicitados no momento do acesso;
  • No menu principal, selecione a opção de “baixar fatura” para ter acesso à sua fatura.

Internet Banking

O Internet Banking é uma maneira simples de conseguir solicitar a segunda via da fatura do Banco PAN. Veja, abaixo, qual a forma correta de emitir o documento:

  • Vá até o site do Banco PAN;
  • Siga até a “Área do Cliente”;
  • Coloque o seu e-mail e a senha previamente cadastrados;
  • Caso ainda não tenha ativado o acesso, selecione “Reenviar e-mail de ativação”;
  • No menu dos cartões, selecione a opção para baixar a sua fatura.

Coworks, esquemas comunitários e cooperativos

Coworks, esquemas comunitários e cooperativos

Os Coworks são espaços que quebraram o paradigma do trabalho tradicional, que respondem a novas necessidades e à criação de diferentes soluções para os problemas atuais.

Coworks, qual é a sua origem e onde está o seu coração? O que exatamente é feito neles? Quem compõe sua comunidade?

No Coworking Ribeirão Preto, e ao nos aproximarmos do terceiro ano desde que abrimos nossas portas em Ribeirão Preto, estamos felizes em ter este espaço para falar sobre o assunto. É por isso que queríamos fazer uma breve revisão histórica sobre Coworks, explicar seus benefícios e como a comunidade e a cooperação são importantes para eles.

Um pouco de história

Desde a sua origem podemos dizer que os Coworks nasceram em meados dos anos 2000 nos Estados Unidos, como uma resposta totalmente oposta ao sistema de trabalho fechado e baseado na competição , estes lugares representam antes uma visão a favor do trabalho colaborativo sendo espaços que reunir diferentes profissionais, freelancers, viajantes, que trabalham remotamente e que, em comum, precisam de uma boa conexão à Internet para trabalhar.

A importância da comunidade

Não se pode falar de um Cowork sem falar da sua comunidade, esta é a sua espinha dorsal, que lhe dá vida e apoio. Aqui você pode sentir paixão por um trabalho bem feito, colaboração, gosto por ideias e interesse em criar relacionamentos virtuosos e de longo prazo.

Você não pode falar sobre um Cowork sem falar sobre sua Comunidade

Cada vez mais as Startup , “empresas” com uma visão mais renovada do trabalho e com a forma de resolver os problemas dos mercados, onde um grande número de empresários prefere dar as suas energias à construção das suas próprias empresas e sonhos, também residem em Coworks. em vez de trabalhar para os outros sob esquemas rígidos e pouco estimulantes.

A velocidade com que os coworks se expandiram no mundo é impressionante, praticamente dobrando seu número ano após ano, de  acordo com estudos da Global Coworking Unconference Conference (GCUC) e Deskmag.

Quatro benefícios de trabalhar em um Cowork

1) Custo Efetivo

Mudar de um Café para um Cowork é uma excelente alternativa para esta comunidade empreendedora e inovadora, proporcionando as vantagens de um custo eficiente, principalmente nas grandes cidades onde a instalação de um escritório bem localizado supera várias vezes o custo de trabalhar em um (ah, e o café é gratuito).

Alguns até começam neles, recebendo boa parte de seus benefícios, a um custo ainda menor com um Virtual Office.

2) Atividades

Além disso, atividades que agregam valor à comunidade são realizadas regularmente aqui, como mentorias, workshops e eventos para fortalecer redes de contatos. Isso porque seus fundadores vão além do ramo imobiliário e têm interesse que seus espaços realmente gerem impacto no meio ambiente .

3) Espaço, meio ambiente e redes

Sendo projetados como espaços de trabalho, Coworks é definitivamente um lugar melhor para trabalhar do que qualquer café na cidade. Além disso, neles respiram criatividade, boas críticas, ideias, feedback, conhecimento, falhas no corpo e um longo etc. Tudo isso potencializa as habilidades pessoais, dando um resultado maior como produto da soma das habilidades individuais . Algo que você também não consegue trabalhar sozinho em casa.

Por outro lado, para os empreendedores, construir redes de apoio é essencial e no Coworks é vivido assim. Nesse ambiente, onde já existem redes estabelecidas, é muito mais fácil se conectar com pessoas-chave para o seu empreendimento.

4) Faça parte de uma comunidade extensa

Como a cooperação está no DNA da Coworks, a colaboração com outros espaços ocorre naturalmente. Dessa forma, os empreendedores podem fazer parte de uma comunidade ampliada, aumentar seus contatos, chances de sucesso e atuar em outras cidades no mesmo ambiente. O que agrega valor a cada Cowork, permitindo-lhes entregar benefícios cruzados para suas comunidades.

Por fim, acreditamos com base na nossa experiência e na evidência de que os espaços Coworks são uma oportunidade real de impactar os ecossistemas de empreendedorismo. Acreditamos também que a promoção de esquemas colaborativos ao nível intra-Coworker mas também ao nível dos atores ecossistêmicos,  é uma importante contribuição dos espaços de coworking com visão de desenvolvimento, bem como a preocupação em manter uma comunidade ativa e valiosa para aqueles que o compõem. isto.

Quão útil é o Twitter para empresas?

Quão útil é o Twitter para empresas?

Os fatos mais importantes sobre a plataforma de microblogs Twitter

Em geral, o engajamento é a chave para ser favorecido pelo algoritmo nas mídias sociais. Pelo menos esse é o caso em plataformas como Facebook ou Instagram. Mas desde o seu lançamento em 2006, o Twitter também se baseou no conceito de atualidade.

As mensagens em tempo real são capitalizadas na plataforma. Depois que a rede social introduziu um algoritmo em 2016 que classifica o feed de notícias de acordo com a relevância dos tweets. 

Hoje o usuário tem a chance de alternar entre o feed doméstico e o feed mais recente. A decisão consciente de trazer de volta o feed de notícias cronológica mostra a orientação estratégica do canal de mídia social.

Para as empresas, isso significa que os tweets não necessariamente têm que ser publicados para curtidas. Em vez disso, a plataforma oferece a oportunidade de disseminar notícias atuais ou responder a conversas dentro do público-alvo.

Em comparação com outras redes sociais, o Twitter não é apenas um lugar de auto-desenvolvimento: A plataforma também oferece espaço para discussões e opiniões contrárias. Uma olhada nas postagens dos seguidores revela quais tópicos mais falados na língua dos usuários.

Desafios ou reclamações podem ser abordados diretamente. Isso não só melhora a gestão de conflitos, mas também pode garantir mais confiança em sua empresa por meio da comunicação direta com os clientes.

O Twitter também prospera no fluxo constante de conversas: 5.787 tweets são publicados por segundo. O aumento da frequência pós-post pode e deve ser usado pelas empresas para obter feedback constante de potenciais clientes. 

Perguntas abertas sobre o lançamento de um novo produto ou pesquisas sobre o processo de encomenda podem ser importantes fontes de feedback para conhecer seu próprio grupo-alvo.

Quais os benefícios do Twitter para as empresas?

O Twitter tem muitas vantagens para as empresas, até para aquelas de um nicho específico como sapatos masculinos. Mas elas também precisam ser devidamente reconhecidas e usadas – o que você definitivamente conhece e deve prestar atenção:

1. Alcance

O serviço tem mais de 330 milhões de usuários ativos mensais. Para as empresas, a plataforma oferece, assim, o lugar ideal para expandir seu próprio alcance. A colocação dentro do seu próprio nicho é facilitada pela função hashtag. 

Usando a pesquisa de palavras-chave, o conteúdo relevante pode ser encontrado e integrado ao respectivo tweet usando a hashtag. Muitas empresas também usam uma hashtag especialmente criada e postam na biografia de sua conta no Twitter e a usam em seus próprios tweets. 

2. Gestão comunitária: relacionamento com clientes

Como um suporte estendido ao cliente, o Twitter atende a todos os requisitos para que as empresas respondam aos desafios e necessidades do público-alvo: Perguntas podem ser respondidas diretamente e insights sobre os tweets dos (potenciais) clientes podem ser usados para obter dados  importantes sobre a otimização do processo.

3. Riscos do uso do Twitter

No entanto, a plataforma não só tem vantagens: Devido ao seu alto anonimato, o Twitter também oferece aos trolls das redes sociais um patch quase perfeito para direcionar contas e spams sem controle.

Shitstorms,ou seja, multidões saqueadoras que atingem um certo alvo virtual com posts e comentários críticos, se movem através do cenário de microblogs em intervalos regulares e deixam a devastação. Seja pessoa privada ou corporação gigante – ninguém está a salvo de uma tempestade na Internet.

Qualquer um que for pego no fogo cruzado corre o risco de causar um grande dano à sua imagem. Portanto, é particularmente importante no Twitter escolher palavras sabiamente e não usar formulações que possam ser entendidas de forma ambígua – especialmente no contexto dos discursos políticos ou sociais atuais.

4. Encontre defensores

Se você quiser encontrar multiplicadores e defensores, a pesquisa avançada pode ajudá-lo. Isso permite que você se posicione ainda melhor em seu nicho. Ao participar de discussões e discussões internas do setor, você pode demonstrar expertise, exercer uma influência positiva na imagem da sua marca e promover ativamente a conscientização da marca.

O que você precisa saber antes de usar o Twitter para o seu negócio

Criar um perfil no Twitter não é uma arte e é feito rapidamente. No entanto, existem alguns pontos que você deve prestar atenção ao configurar sua conta. Isso inclui conhecer a estrutura de um tweet e criar um perfil atraente:

1. Curto, mas significativo

A aparência da sua conta é a primeira coisa que chama a atenção do usuário ao visitar seu perfil. Portanto, você deve investir tempo suficiente em uma apresentação atraente:

A biografia inclui 160 caracteres, o que força você a se apresentar brevemente e de forma sucinta. A imagem do cabeçalho, a foto do perfil e os tweets postados podem adicionar um apelo extra ao seu perfil.

Uma ideia concisa do que sua empresa faz, quais tópicos você aborda e, se necessário, o link para informações emocionantes ou seu site – tudo isso oferece ao usuário um valor agregado significativo. E não se esqueça de incluir a hashtag da sua empresa na biografia do Twitter também.

2. O tweet

No Tweet pode, uma resposta, um like, ou retweetar ( compartilhar o tweet em no seu perfil) Os tweets consistem em um máximo de 280 caracteres e podem conter palavras, imagens, colagens, vídeos e memes.

É importante usar hashtags – um máximo de dois por tweet. Dessa forma, o alcance pode ser aumentado e uma referência clara ao tema da discussão pode ser dada.

Se você quiser chamar a atenção de outros usuários para o seu próprio tweet ou explicitamente endereçá-los ou nomeá-los, isso pode ser feito mencionando.

A mensagem de um tweet deve ser claramente reconhecível: É ótimo se o usuário reconhecer o que se trata em menos de 280 caracteres. Elementos pictóricos têm um efeito de apoio aqui. Além disso, perguntas e pesquisas podem ser criadas para aumentar a interação com seus seguidores.

No caso de uma troca mais longa, as empresas têm a oportunidade de continuar a conversa com o cliente em uma mensagem privada. Ao inserir um link, um botão com a descrição “Enviar mensagem privada” é publicado, que o usuário pode seguir facilmente.

Tendências do Twitter: Por que a atualidade é uma obrigação absoluta

Se um número particularmente grande de tweets sobre uma hashtag em particular aparecer no Twitter, isso é referido como um chamado trending topic. Mas o Twitter é acelerado:

68% de todas as tendências do Twitter já são histórias após 20 minutos. Isso torna ainda mais importante reagir rapidamente às últimas notícias: porque um evento grande deve ser tuitado exatamente quando acontece.

Não basta comentar um tweet uma vez por semana. Quem fizer isso perderá contato com a comunidade do Twitter. Portanto, participe das discussões atuais e retweeted informações relevantes para que seus seguidores também possam participar e obter valor agregado da assinatura do seu canal.

Para atualizações constantes e novas tendências na rede, você também deve seguir a conta do Twitter Business. Isso dá dicas valiosas e mantém você atualizado sobre tudo o que vale a pena conhecer.

O Twitter para negócios é uma maneira ideal de fazer parte de uma rede de sucesso para expandir seu alcance. Isso é feito principalmente através do posicionamento sobre temas e eventos atuais. O monitoramento das mídias sociais ajuda a encontrar discussões emocionantes e, assim, entrar em uma troca com clientes e embaixadores da marca.

O que é o marketing psicográfico e como aplicar no seu negócio

O que é o Marketing Psicográfico e como aplicar no seu negócio

Se você conhece a idade, sexo, local de residência e ocupação de seus clientes, você conhecerá os dados demográficos de seu grupo-alvo . Isso já ajuda você significativamente ao direcionar anúncios, por exemplo, nas redes sociais. Portanto, os dados demográficos mostram quem são seus clientes. A psicografia, por outro lado, mostra por que eles são seus clientes.

Seus (potenciais) clientes são mais do que apenas a soma de suas características demográficas. Eles têm hobbies, valores , atitudes, desejos e objetivos em suas vidas. Se você puder capturar e usar essas características, terá uma imagem muito mais completa de sua buyer persona. E isso, por sua vez, oferece anúncios mais concretos.

A diferença entre psicografia e demografia

Já mencionamos isso acima. Os dados demográficos incluem, por exemplo:

  • Idade
  • Gênero
  • Local de residência
  • Estado civil
  • Trabalho
  • Renda

Na psicografia , trata-se de:

  • Personalidade
  • Opiniões
  • Valores e atitudes
  • Interesses
  • Estilo de vida

Somente aqueles que conhecem e combinam esses dois “conjuntos de dados” terão uma visão abrangente de seus clientes. Pois só se você souber quem está comprando seu produto ou serviço e por que poderá adaptar suas medidas e sua oferta a eles.

Os aspectos da psicografia

Para obter uma melhor compreensão da psicografia, então, analise mais de perto os pontos individuais abaixo 

Personalidade

A personalidade de sua persona é uma característica fundamental, mas pode ser difícil de identificar. Para que você não precise invocar quaisquer termos e descrições de seu chapéu, você pode fazer uso do modelo de personalidade “Big Five”. Este modelo descreve cinco tipos diferentes de personalidade e suas características:

Abertura

As pessoas que se instalam aqui estão abertas para experimentar e aprender coisas novas. Você gosta de ganhar experiência e é mais extrovertido. Eles gostam muito de música, arte e literatura e têm afinidade com suas próprias emoções e as dos outros.

Consciência

Este tipo de personalidade gosta de ser preciso, pontual, organizado e metódico. Eles são bons trabalhadores e muitas vezes bem-sucedidos no trabalho porque trabalham de maneira concentrada e conscienciosa e dificilmente se distraem.

Extroversão

Extrovertidos gostam de estar com outras pessoas e trocar idéias. Eles têm poucos problemas com a dinâmica de grupo e costumam ser assertivos. Eles prosperam em situações sociais e são extremamente falantes.

Compatibilidade

Quem pertence a este tipo de personalidade precisa de harmonia e é socialmente orientado. Pessoas sociáveis ​​são prestativas e cooperativas e, às vezes, colocam as necessidades dos outros acima das suas. Eles são descritos como calorosos e pessoais.

Neuroticismo

Neuroticismo significa algo como labilidade emocional e descreve como as pessoas desse grupo de personalidade são emocionalmente estáveis. Se as pessoas podem se identificar com neuroticismo, é mais provável que fiquem ansiosas, sensíveis, inseguras e nervosas. 

Opiniões, valores e atitudes

As opiniões e atitudes de uma pessoa tendem a se sobrepor. Por exemplo, se alguém não comer açúcar refinado, sua opinião afetará suas atitudes – eles descobriram que o açúcar é ruim para eles e suas atitudes em relação aos alimentos que contêm açúcar mudaram.

As opiniões e atitudes de uma pessoa também podem ser moldadas pela família, pelo ambiente ou pela religião.

Os valores de uma pessoa, por outro lado, indicam o que ela percebe como certo ou errado e o que é importante para a pessoa. Se alguém se preocupa com o meio ambiente, pode preferir comprar regional e sazonalmente ou prestar atenção às embalagens recicláveis.

Interesses

Os interesses incluem os hobbies de uma pessoa, como ela gasta seu tempo livre ou seu consumo de mídia. Você está nas redes sociais ? Você ouve podcasts ou assiste a séries? Você prefere jogar ou assistir esportes? Tudo isso é do interesse de uma buyer persona.

Estilo de vida

Quanto ao estilo de vida, é sobre como as pessoas vivem suas vidas diárias e ganham. Você mora no meio da cidade ou no campo, como e quais relacionamentos você mantém? O comportamento das pessoas frequentemente indicava seu estilo de vida.

Determinando os dados

Nem dados demográficos e psicográficos podem ser arrancados de sua manga. Para criar uma persona precisa e abrangente, você deve coletar e analisar dados reais.

Google Analytics e mídia social

Seu primeiro ponto de contato serão aqueles que já existem. Dê uma olhada nos dados no Google Analytics ou nas plataformas de mídia social ativas – o que você já pode ler a partir deles? Quais postagens nas redes sociais são particularmente populares entre os usuários ?

Enquete

Com as pesquisas, você pode se dirigir a um grande número de pessoas e perguntar sobre seus comportamentos , atitudes ou interesses, etc. Você pode criar pesquisas online facilmente e levá-las aos seus (potenciais) clientes por meio de correspondências ou mídias sociais. É relativamente demorado e barato.

No entanto, a taxa de resposta às pesquisas nem sempre é muito alta. Pense se você pode oferecer aos participantes algo para preencher a pesquisa, como um código de desconto.

Entrevistas

Se você tiver os recursos e o tempo para fazer algumas entrevistas com clientes, elas podem ser muito esclarecedoras. Ao contrário de uma pesquisa, aqui você pode mergulhar em uma conversa interativa com os clientes e descobrir o máximo possível sobre eles.

Não transforme a entrevista em um interrogatório, mas transforme-a em uma conversa agradável. Quanto mais confortável o cliente se sentir, mais falante ele ficará.

Como você pode usar psicografia em marketing

Agora você sabe o que são as características psicográficas e como pode determiná-las. Claro, você não faz tudo isso por diversão, mas para otimizar seu negócio.

Em uma primeira etapa, você usa as características que coletou para aprimorar suas personas. Você pode segmentar seus clientes com ainda mais precisão e sua equipe tem uma imagem cristalina em mente quando deve criar conteúdo ou produtos para uma determinada pessoa.

Landing pages e mailings

Você sabia que um dos seus grupos-alvo aprecia muito a sua oferta de boxe tailandês porque eles podem participar antes ou depois do trabalho? Você pode enfatizar isso. 

Por exemplo , se você deseja conquistar novos clientes e consultar uma página de destino em uma campanha , pode abordar especificamente os horários de treinamento flexíveis e a compatibilidade de trabalho e hobby lá.

Se tem uma loja online de sex shop e sabe que os seus clientes são introvertidos e gostam de ser mais discretos, pode enviar-lhes sugestões de produtos adequados numa newsletter.

Assim, poderá chamar a atenção para a sua gama de casacos de chuva elegantes e práticos ou uma mochila com espaço para muita comida para os seus clientes e amigos.

Canais e direitos autorais

Conhecendo o comportamento de mídia de seus (potenciais) clientes, você pode abordá-los nos canais certos. Então, em vez de desperdiçar seu orçamento de publicidade no Instagram, por exemplo , você tenta uma campanha no Pinterest porque esse canal se tornou popular.

A maneira como você se dirige aos seus clientes e escreve textos (texto publicitário, legendas, etc.) também deve variar dependendo do grupo-alvo ou persona.

Pessoas emocionais podem ser mais receptivas à narrativa, na qual os sentimentos são evocados e enfatizados. Mas, se sua clientela estiver repleta de analistas, os dados e informações do produto são mais importantes para eles.

5 Dicas para ganhar dinheiro fazendo vídeos home office

ganhar dinheiro fazendo vídeos

Ganhar dinheiro fazendo vídeos é o sonho de muitas pessoas, haja vista a flexibilidade proporcionada por essa profissão. Pensando nisso, separamos cinco dicas para ajudar você a conquistar esse objetivo e trabalhar em home office.

Nas próximas linhas, descubra como usar o YouTube, Instagram e vídeos animados para ganhar dinheiro no conforto de sua casa. Confira!

Use e abuse do YouTube

Não há como deixar o YouTube de lado ao falar de vídeos. Atualmente, ele é a maior plataforma de vídeos online do mundo e tem mais de 2 bilhões de acessos mensais.

Para quem quer ganhar dinheiro fazendo vídeos, essa é uma das melhores oportunidades. Ainda que tenha muitos criadores de diversas áreas, há muito espaço para quem é criativo e esforçado.

Crie uma conta na plataforma, construa uma identidade visual básica e comece a produzir o quanto antes.

Quando atingir 1 mil inscritos, vai poder monetizar o seu canal por meio de anúncios em seus vídeos. No início, os ganhos serão baixos, mas isso vai mudar com o tempo.

Certamente, você já deve ter visto youtubers em mansões, com carros de luxo e afins. Sim, esse é o nível que você pode alcançar um dia, mas não pense somente em dinheiro!

Além disso, foque em outras plataformas também, pois ter apenas uma fonte de renda e visualização não é nada saudável financeiramente.

Trabalhe o seu Instagram

O Instagram está entre as mídias sociais mais acessadas no Brasil e no mundo. Sua principal diferença, quando comparado ao YouTube, são as funcionalidades e os objetivos.

Enquanto o YouTube é uma mídia social 100% voltada para vídeos, o Instagram aceita outros formatos de conteúdo, como imagens e textos.

Somado a isso, é comum que haja uma relação bem mais íntima no Instagram, pois é uma rede social onde as pessoas compartilham suas vidas.

Para ganhar dinheiro fazendo vídeos no Instagram, você precisa ter um nicho bem definido e trabalhar para se tornar influente nele.

Faça isso criando conteúdos relevantes sobre sua área, dando dicas e ajudando pessoas. Nesse ponto, o conhecimento em marketing digital é essencial.

Com essa conquista, ganhar dinheiro com vídeos será algo muito simples. Basta fechar parcerias com marcas e empresas para divulgá-las em seu feed e stories, por exemplo.

Outra ideia seria divulgar produtos aos quais você se afilia, desde que eles estejam dentro de seu nicho e sejam relevantes para o seu público. Esse assunto será melhor tratado em um tópico mais a frente, não deixe de ler!

Faça vídeos animados

Ganhar dinheiro fazendo vídeos animados é uma excelente opção para quem não deseja se expor muito e não sabe por onde começar.

As oportunidades são inúmeras e você pode tanto seguir as duas dicas anteriores com eles ou simplesmente prestar serviços a outros criadores.

Imagine que um professor precisa fazer vídeos animados para ilustrar alguns conceitos sobre assuntos específicos de suas aulas. Mas ele não sabe como fazer isso.

Então, esse professor vai precisar contratar algum profissional que possa ajudá-lo nessa tarefa.

Após isso, basta você fazer uma proposta a ele ou dar a pessoas como ele caminhos para chegar até você.

Em outras palavras, você precisa ter uma presença nas mídias sociais como criador de vídeos animados para que possíveis clientes o encontrem e entrem em contato.

Ademais, você pode buscar por pessoas que podem precisar de seus serviços e então oferecê-los, ressaltando os benefícios. Essa é uma excelente forma de ganhar dinheiro fazendo vídeos.

Atue como afiliado

Afiliados digitais são vendedores de produtos como cursos online, livros digitais e assim por diante. Basicamente, você se afilia a um produto criado por outra pessoa e ganha uma comissão para cada compra realizada utilizando o seu link.

Para se afiliar a produtos, você precisa ter uma conta em alguma plataforma como a Hotmart e a Monetizze.

Dentro da Hotmart, por exemplo, você vai encontrar tutoriais feitos pela própria empresa com tudo o que precisa saber para realizar as suas primeiras vendas como afiliado.

Se você conquistou uma influência no Instagram ou YouTube, como dissemos nos tópicos anteriores, você pode utilizar esses canais para vender os produtos em que é afiliado.

Contudo, é importante que você tome cuidado para não focar demais em vendas e acabar perdendo público por isso.

Nessa hora, é essencial você ter um bom conhecimento de marketing digital para realizar uma boa divulgação por meio de seus vídeos.

De modo geral, você vai precisar definir uma proporção entre conteúdo relevante e promocional, sendo o promocional um vídeo em que você apresenta ou vende algum produto.

A porcentagem de conteúdo relevante deve ser sempre maior do que promocional. Do contrário, dificilmente você vai conseguir uma audiência recorrente.

Essa é uma das melhores maneiras de ganhar dinheiro fazendo vídeos, haja vista as inúmeras maneiras que pode atuar e o valor que pode lucrar.

Cuide da qualidade do seu conteúdo

A qualidade do conteúdo é uma das principais métricas das plataformas online. Afinal, ninguém gosta de consumir conteúdos ruins.

Por isso, sempre priorize a qualidade em tudo o que você fizer. Com isso, as pessoas vão naturalmente recomendar os seus vídeos no YouTube, por exemplo.

Seus seguidores no Instagram vão aumentar constantemente, seus clientes como produtor de vídeos animados vão indicar os seus serviços e seu público vai consumir os produtos que indicar.

Entenda qualidade do conteúdo como relevância, isto é, seus conteúdos devem servir a um propósito. Faça isso e comente aqui embaixo os seus resultados!

Aproveite também para compartilhar esse conteúdo em suas mídias sociais.

Entrevista de emprego em francês: Veja algumas dicas de como arrasar

Buscando oportunidades em lugares ou empresas estrangeiras? Então veja aqui algumas dicas de como se dar bem em uma entrevista de emprego em francês. 

Se você está se preparando para se aventurar profissionalmente na França, Canadá ou outro país de língua francesa? Então você deve, desde logo, saber como se preparar para uma entrevista de emprego em francês.

Essa preparação é essencial para que você se destaque e dê início à sua trajetória profissional internacional. Além disso, essas dicas podem te ajudar no início da sua carreira fora do solo brasileiro, bem como na sua adaptação fora do Brasil.

Continue lendo para conferir algumas dicas que separamos especialmente para você e lhe ajudar a se preparar para uma entrevista profissional na língua francesa.

Entrevista de emprego em francês: Como se preparar?

Existem alguns detalhes que embora não pareçam importantes em um primeiro momento podem ser cruciais para que uma entrevista de emprego em língua estrangeira obtenha sucesso.

Nesse sentido, considere, por exemplo, elementos culturais que podem interpretar algum gesto comum brasileiro em algo ofensivo. Esse é apenas um dos elementos que não podem passar batido.

Portanto, veja agora alguns passos essenciais, simples e importantes para garantir que você alcance vitória na sua entrevista profissional em francês.

1.   Cause uma boa impressão

Não importa em qual local a entrevista ocorre, ser educado e prezar pela pontualidade é essencial.

Se a entrevista de emprego em francês for feita, por exemplo, de maneira remota e por vídeo chamada, considere os seguintes detalhes:

·         Esteja atento ao fuso horário do local do qual partirá a entrevista;

·         Teste com antecedência microfone e câmera do celular ou computador utilizado para a ligação;

·         Também, realize testes com a internet;

·         Esteja bem vestido e fale devagar, esperando sempre o interlocutor terminar a pergunta para se manifestar.

Os quesitos de horários também devem ser considerados para entrevistas feitas de maneira presencial, assim como uma boa apresentação e educação.

2.   Conheça os hábitos e a cultura do país

São vários os países que utilizam a língua francesa. Dessa maneira, busque conhecer com antecedência alguns hábitos da nação à qual a empresa que está realizando o processo seletivo pertence.

Nesse cenário entra a questão cultural sobre a qual tratamos brevemente acima. Procure conhecer, por exemplo, o que é considerado uma gafe ou o que pode ser uma sinalização considerada mal educada ou mesmo grosseira.

3.   Conheça as variantes lingüísticas francesas

Existem algumas palavras da língua francesa que possuem leve variação de pronúncia e que, por outro lado, podem apresentar grandes variações de significado.

Portanto, busque se especializar com um pouco mais de fervor em seu curso de francês no dialeto utilizado na região na qual está localizada a organização para a qual se pretende adentrar profissionalmente.

4.   Estude o vocabulário técnico de sua área

Não cometa o erro de deixar de estudar o vocabulário técnico em francês referente à sua área de trabalho.

Afinal, a entrevista de emprego em francês necessariamente passará por questões profissionais e referentes aos seus conhecimentos dessa natureza. Portanto, busque complementar seu vocabulário com palavras técnicas.

5.   Conheça a empresa para a qual se quer entrar

Esse é um fator que deve ser aplicado a qualquer tipo de entrevista, não apenas ao processo seletivo profissional feito em idioma francês. Conhecer a empresa para a qual se está querendo entrar é essencial, pois somente assim será possível entender se ela corresponde ao tipo de organização da qual se quer fazer parte!

Além disso, esse conhecimento não é importante apenas para saber se nessa instituição pode estar sua felicidade profissional. Demonstrar sabedoria sobre a empresa, sua trajetória, valores e conquistas é algo muito valorizado na cultura francesa!

Nesse caso, o candidato pode ganhar pontos ao relacionar uma resposta da entrevista de emprego em francês com algum conhecimento que possui sobre a atuação da empresa. Essa sabedoria, é claro, deve ser demonstrada de forma fundamentada e relacionada ao que lhe é perguntado.

6.   Pratique muito!

Finalmente, o sucesso de uma entrevista em língua estrangeira depende em muito do treino em relação ao idioma. Para isso, aposte em curso de francês em São Paulo ou outros locais do Brasil que ofereça aulas baseadas na conversação.

Dessa maneira, a comunicação falada se torna mais tranqüila e natural para o aluno. Também, isso auxilia na segurança no momento de falar em uma entrevista, assim como a compreensão do que lhe é perguntado.

O estudo da língua francesa requer empenho e atenção. Contudo, com a prática da fala, escrita e audição é possível desenvolver destreza nesse idioma independentemente da idade com a qual se iniciam as aulas!

Outras formas que podem auxiliar no preparo para a entrevista de emprego em francês são a utilização de materiais da indústria audiovisual, como ver filmes em inglês ou ouvir músicas da língua.

Com essas dicas você será capaz de participar de um processo seletivo em língua estrangeira e obter sucesso profissional em qualquer local do planeta! 

iPhone roubado: Veja o que fazer para evitar armadilhas comuns

Um iPhone roubado pode trazer muito mais dor de cabeça do que a necessidade de obtenção de outro celular. Confira as principais armadilhas e como evitá-las. 

Infelizmente o roubo de um celular não traz apenas problemas pela criação de um novo gasto ao usuário, pois os prejuízos também podem se referentes aos dados que estavam gravados no telefone. É por isso que é necessário ter muito cuidado em caso de iPhone roubado.

Isso porque existem alguns golpes aplicados pelos próprios ladrões para obter maiores informações para acesso aos dados guardados no celular. Ainda, a ausência de ferramentas de segurança como senhas e bloqueio do dispositivo móvel também podem causar ainda mai prejuízos ao usuário.

É por isso que separamos abaixo algumas dicas essenciais para seguir ao ter o iPhone roubado e, assim, evitar que ocorram maiores prejuízos nessa situação.

Cuidados essenciais

Atualmente é comum que celulares contenham inúmeros dados de natureza pessoal. Dentre eles estão, por exemplo, senhas de bancos, números de telefone, conversas privadas e fotos íntimas e particulares. Cada uma dessas informações é passível de mau uso por sujeitos mal intencionados, de maneira que devem receber a devida proteção.

Primeiramente, existem alguns cuidados que são essenciais em relação ao seu celular. Eles são úteis para garantir sua privacidade em qualquer cenário, bem como em caso de roubo.

Senhas e códigos de segurança

É muito importante que você sempre se utilize das ferramentas de proteção que são oferecidas pelo próprio iPhone.

Assim, nunca deixe de determinar senhas para o acesso ao celular. Elas podem ser numéricas, biométricas ou em forma de desenhos. Também, sempre que possível determine que o acesso aos seus aplicativos também demande a colocação de senhas.

Isso ajuda a evitar diversos dos danos que são oferecidos por uma situação em que o iPhone foi roubado.

Cuidado com mensagens e e-mails suspeitos

Outra questão essencial em relação à segurança do iPhone é o cuidado com a concessão de dados pessoais e principalmente sobre o iCloud para números e e-mails suspeitos.

Existem golpes em que os criminosos entram em contato com o usuário que foi roubado como se representassem a Apple. Para isso são enviadas mensagens SMS informando que o celular foi encontrado (geralmente após o uso do “Buscar meu iPhone” pelo usuário roubado). Então, requer-se que o sujeito acesse um link onde deverá colocar alguns dados pessoais e seu código da Apple ID.

Esses links, contudo, em nada tem a ver com a Apple e são falsos. Portanto, sempre confira qual o número que enviou a mensagem, assim como repare no link que é apresentado e procure, antes de qualquer tipo de clique, se ele corresponde ao oficial da Apple.

Além disso, jamais conceda informações pessoais e sua Apple ID para pessoas desconhecidas. Se necessário, busque uma assistência técnica para iPhone e tire suas dúvidas

O que fazer ao ter o iPhone roubado?

Essas medidas devem ser tomadas tanto em caso de roubo quanto na hipótese em que o usuário percebe o furto ou extravio do seu iPhone. É muito importante que haja agilidade em relação a elas, pois aqui o tempo é precioso.

Todos esses passos são indicados, inclusive, pela própria marca criadora do iPhone. Dessa maneira, confira as dicas da Apple de como agir em caso de celular roubado ou extraviado:

1.    Inicie sessão em iCloud.com/find no navegador da web por um computador ou outros celular;

2.    Então, clique em “Buscar iPhone”, selecionando o dispositivo que se deseja localizar;

3.    Em seguida, marque o dispositivo como “perdido”, pois isso permitirá que o iPhone roubado seja bloqueado, que a conta Apple Play seja suspensa e, ainda, permite que haja a exibição de uma mensagem personalizada na tela do telefone;

4.    Além disso, jamais deixe de registrar um boletim de ocorrência quanto ao roubo do celular em uma delegacia de polícia.

5.    Por fim, apague o dispositivo de forma remota para, então, evitar que outro indivíduo tenha acesso aos dados do seu iPhone roubado, mas não o remova de sua conta após apagá-lo. Isso bloqueia o acesso às informações presentes no celular e ao mesmo tempo inutiliza o uso do dispositivo móvel por terceiros.

Esses são apenas alguns dos cuidados que devem ser tomados em caso de furto ou roubo de iPhone. Todos esses passos são essenciais para a segurança não apenas dos seus dados, mas também das demais pessoas com quem você eventualmente trocava informações pelo celular.

Ainda, com esse passo a passo é possível evitar a utilização maliciosa dos seus dados ao mesmo tempo em que a ação criminosa se torna inútil, pois o celular roubado não pode mais ser utilizado devidamente e se torna, portanto, uma ferramenta obsoleta.

Para mais informações como essa continue acompanhando nosso site, assim como em caso de necessidade de conserto de iPhone e outras questões relacionadas aos dispositivos Apple.

Dicas de marketing para brechós de luxo

O mercado de luxo second hand está crescendo quatro vezes mais rápido que o mercado de luxo primário e, hoje em dia, os brechós de luxo são os maiores responsáveis por isso. 

No mercado second hand você pode comprar e vender produtos que já foram usados e os brechós de luxo estão fazendo muito sucesso no Brasil, sendo ótimas opções para quem procura artigos de luxo seminovos, originais e em bom estado. Online ou físicos, esses brechós oferecem as melhores grifes de roupas, bolsas, sapatos e acessórios, como Dolce & Gabanna, Louis Vuitton, Chanel, Prada, Hermès, Gucci, Alexander McQueen e Louboutin. 

Os brechós de luxo estão impulsionando o crescimento do mercado de seminovos alimentado, em grande parte, pelas gerações mais conscientes e pelo desejo de mais sustentabilidade. A natureza durável e atemporal dos produtos de luxo também é um dos excelentes fatores para que os brechós invistam em marketing, podendo alcançar maior visibilidade.

O impacto positivo gerado pelos brechós de luxo deve ser colocado em perspectiva, por isso agora vamos divulgar algumas estratégias de marketing que podem ser adotadas por este público.

O MARKETING PARA BRECHÓS DE LUXO

As marcas de luxo precisam considerar o ciclo de vida de seus produtos além da primeira venda e precisam garantir que seus produtos sejam sempre exibidos com atenção, inclusive no mercado second hand, que é uma oportunidade para as marcas de luxo apoiarem objetivos sustentáveis ​​de longo prazo.

O mercado de seminovos ​​cresce e não mostra sinais de desaceleração. Os brechós de luxo devem aproveitar esse fator para se posicionar de forma inteligente como alternativas conscientes da moda de luxo, em relação à sustentabilidade, à experiência de luxo e ao conceito de propriedade. O mundo digital está transformando a moda de luxo, facilitando conexões e acelerando transações e este é um momento ideal para que os brechós saibam investir no seu negócio. 

A seguir, daremos algumas dicas importantes de marketing para este público:

Parcerias com celebridades

Até celebridades estão falando abertamente e mostrando a importância do mercado second hand e dos brechós de luxo, incentivando o consumo sustentável. As Kardashians-Jenners, por exemplo, estão entrando no mercado second hand, com o lançamento da Kardashian Kloset. O site de comércio eletrônico vende itens como roupas, sapatos e bolsas que antes pertenciam aos membros da família das celebridades. Aqui no Brasil, a atriz Luana Piovani se tornou sócia do brechó de luxo @cansei_vendi, uma plataforma de compra e venda online que oferece os mais desejados produtos de luxo seminovos.

Geração jovem do consumo consciente

Hoje em dia, grande parte dos consumidores estão dispostos a priorizar a moda sustentável, principalmente o público mais jovem, e isso é um reflexo da conscientização da preservação do meio ambiente. Dessa forma, o brechó de luxo deve ressaltar que o reaproveitamento das peças contribui para a preservação do meio ambiente e gera menos resíduos. O consumidor tem ainda tem a oportunidade de encontrar itens de luxo seminovos que passaram por um excelente trabalho de curadoria e controle de qualidade, e o melhor de tudo: consegue fazer tudo isso online, sem precisar sair de casa!

Diversificar os produtos

Adicionar alguma variedade ao produtos oferecidos pelos brechós de luxo é uma ótima maneira de atrair novos clientes. Ele deve vender uma infinidade de coisas, de roupas, acessórios, artigos de decoração, e atualizar o acervo regularmente para que seus clientes estabelecidos tenham um motivo para continuar entrando e vendo os novos tesouros que podem encontrar. 

Oferecer incentivos

Brechós são lugares baratos para comprar, mas oferecer cupons ou ofertas especiais de venda é outra boa maneira de atrair novos clientes. Por isso, é importante oferecer descontos ou incentivos. Por exemplo, um cliente que encontra dois itens excelentes em vez de apenas um por causa de uma oferta “compre dois, pague um” tem duas vezes mais chances de retornar ao brechó. 

Fazer anúncios e investir em publicidade

Datas comemorativas são excelentes momentos de vendas para os brechós de luxo. Dessa forma, o Natal é uma boa época para anunciar, pois muitas pessoas querem comprar bons presentes para seus familiares e amigos. Portanto, anunciar nas datas certas é essencial para alavancar os negócios e para gastar dinheiro com sabedoria em publicidade, maximizando o volume das vendas. 

Organizar ações de moda

Geralmente, grande parte do inventário de brechó de luxo geralmente é de roupas. Fazer ações de moda, como organizar um desfile permite aumentar a visibilidade dos produtos, mostrando os detalhes ao clientes e como eles podem economizando dinheiro. Essa estratégia também inspira as pessoas a viver uma vida mais verde.

Estas dicas de marketing podem contribuir muito para que o mercado second hand continue em crescente expansão!